sábado, 18 de fevereiro de 2012

Diferença entre referencial teórico e revisão de literatura

É comum as pessoas confundirem referencial teórico com a revisão de literatura. Essas atividades estão interligadas e compõem o projeto de pesquisa, mas são diferentes. Então, para não confundir alhos com bugalhos, o texto tratará da diferença entre elas.

A revisão de literatura refere-se ao levantamento do assunto do tema pesquisado.
Abrange artigos com resultados de pesquisas, pontos de vista diversificados de autores, livros técnicos, etc. O levantamento deve cobrir o assunto a ser pesquisado. Uma forma prática de fazer isso, é levantar os conceitos-chave da pesquisa e, depois, tratar cada conceito aprofundando nos aspectos etimológicos (origem da palavra), históricos, evolução, significado atual e mostrar resultados de pesquisas sobre o conceito.
Por exemplo, na pesquisa intitulada: "Avaliação formativa nas escolas particulares de educação básica de Brasília", os conceitos a serem trabalhados, por exemplo, são:
Avaliação formativa: o que é avaliação, história da avaliação, tipos de avaliação, importância da avaliação formativa, resultados de pesquisas recentes que tratam da avaliação formativa
Educação básica: o que é, dados gerais sobre a educação básica, legislação sobre avaliação, relação entre avaliação e repetência na educação básica.
Escolas particulares: o que é, como surgiram, a importância das escolas particulares, dados gerais sobre escolas particulares e avaliações.
Brasília: delimitação do espaço geográfico; características da cidade (econômicas, sociais, culturais); número de escolas particulares...
Como se pode observar, os conceitos principais são divididos em várias subcategorias de assuntos. Evidentemente, pessoas diferentes podem identificar conceitos e formas de abordagem diferentes, dependendo das leituras realizadas, do grau de experiência, dentre outros aspectos. Não é uma fórmula exata!

Um ponto importante da revisão de literatura é que ela será usada na discussão dos resultados. Isto é, a sua pesquisa mostra o resultado obtido, que deve ser comparado com aqueles resultados vistos na revisão de literatura. Se o autor obteve os dados que " 30% das escolas pesquisadas trabalham com avaliação formativa", ele deve tentar explicar esse resultado, considerando a revisão de literatura. Por isso, a revisão de literatura deve abranger os conceitos que constam no objetivo geral, os quais estão relacionados com o título da pesquisa.
Outro ponto fundamental é saber escolher o material da revisão. Para tanto, é preciso considerar alguns critérios, por exemplo:
Autoridade: quem escreveu o artigo? É pesquisador da área? Conhece bem o assunto? Qual é a linha de pesquisa do autor?
Tipo de informação: pode ser informação científica, especializada ou de atualidade. No primeiro caso, a pesquisa passa pela avaliação de autores da área, por exemplo, artigos de revistas científicas listadas pelo Qualis. No segundo caso, as informação é produzida por alguém que entende da área, mas não foi avaliada pelos pares. Um exemplo de informação especializada pode ser encontrada na revista Nova escola (especializada em educação); Galileu (ciências) e exame (economia). Essa informação deve ser evitada nos trabalhos acadêmicos. E, por fim, as informações de atualidades referem-se àquelas que constam nos jornais, sites e revistas de atualidades, por exemplo: Veja, Isto é... Da mesma forma, devem ser evitadas, por não ter validação dos pares. Logicamente, a citação dessas fontes não invalida o trabalho de pesquisa, mas deve haver muita moderação.
Atualização: existem artigos clássicos de cada área, importantes pelo valor histórico e pelas contribuições. Contudo, é sempre bom estar atento às datas das pesquisas dos textos citados nos trabalhos. Evite artigos com mais de 7 anos de idade, com exceção dos clássicos.
Língua: dê preferência à leitura dos textos em línguas conhecidas, isto porque se corre o risco de não compreender bem o assunto tratado.
Editoras: dê preferência para editoras que possuem comissão editorial, por exemplo, editoras vinculadas às universidades. Algumas editoras comerciais estão preocupadas com o dinheiro e não com a qualidade do autor.
Pontos de vistas diferentes:busque sempre pesquisar o assunto amplamente e acessar pontos de vistas diferentes, assim o seu trabalho pode ficar mais robusto.

Na revisão de literatura, é comum observar várias citações literais, isto é, tal qual é apresentada no texto lido. É preferível fazer paráfrases ou resumos dos assuntos, ou seja, é melhor fazer
citações indiretas. Isso mostra que o autor foi cuidadoso com o texto! Da mesma forma, evite ao máximo fazer citação de citação (apud). Só use esse recurso se o texto original não puder ser encontrado, isso ocorre em casos de textos antigos e fora de circulação ou em línguas como japonês, chinês, latim...

Nada de citar vários autores sem tentar comprender os pontos de vista deles. Relacione (e não liste!!!) os diferentes pontos de vista, descrevendo os pontos convergentes e os divergentes, levantando hipóteses, identificando causas/consequências... O texto deve ser convincente e estar bem alinhavado.
Portanto, revisar a literatura é levantar os conceitos-chave do assunto pesquisado e relacioná-los entre si, considerando alguns critérios para escolher o material.

O referencial teórico relaciona-se à seleção do significado de cada conceito-chave tratado na pesquisa e, em consonância com a linha de pesquisa e teoria adotadas pelo autor/pesquisador. Trocando em miúdos... Na revisão de literatura, o objetivo é levantar informações sobre os conceitos. Pode-se identificar vários autores tratando de forma diferente do mesmo conceito. No Referencial teórico, identifica-se o significado de cada conceito-chave para a pesquisa e como estão relacionados entre si. Voltando ao exemplo da pesquisa intitulada "Avaliação formativa nas escolas particulares de educação básica de Brasília", deve-se identificar o significado mais adequado à pesquisa em curso. Por exemplo, "na presente pesquisa, avaliação formativa refere-se ....". Somente parte da revisão de literatura é usada para compor o referencial teórico. Sugere-se que o referencial teórico faça parte da metodologia científica.

Assim, a revisão de literatura é mais ampla e o referencial teórico, derivado da revisão de literatura é mais específico.


33 comentários:

  1. Adorei! Super mega didático e com muitos exemplos, o que facilita a compreensão, na qual sempre tive dúvidas...achava que era apenas uma questão estilística e não de semântica entre um e outro. Tks, Kelley =D

    Leila Ribeiro

    ResponderExcluir
  2. gostei muito abriu meu entendimento para elaboração de um escelente referencial teórico, trabalho esse que preciso fazer para a faculdde

    obrigado celma

    ResponderExcluir
  3. Excelente! Quem dera todos os professores explicassem com tamanha clareza e objetividade.

    ResponderExcluir
  4. muito obrigada pelas informações, me ajudaram bastante! Agora estou mais tranquila para acabar de fazer o meu trabalho.

    ResponderExcluir
  5. Excelente contribuição para alunos e pesquisadores!

    ResponderExcluir
  6. Muito bom... esclarecedora!

    ResponderExcluir
  7. Ótima explicação!!!!!! Muito esclarecedora!!!!! Parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  8. Muito útil sua contribuição, estava bem perdida principalmente pelo fato da minha orientadora nem responder aos meus e-mails! Obrigada, vc salvou meu projeto do cáos.

    ResponderExcluir
  9. Boa tarde, agradeço-lhes pelo feedback. Se tiverem alguma dúvida, envie-me para que eu possa responde-las por meio de um texto para o blog. Assim, outras pessoas podem ser auxiliadas!

    ResponderExcluir
  10. Quais os tópicos(estrutura) do REFERENCIL TEÓRICO?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!! O referencial teórico é composto pelos conceitos principais da sua pesquisa. Podemos ter várias definiçoes e perspectivas para um mesmo conceito, mas no referencial teórico, você deve explicar qual a perspectiva que você adota na sua pesquisa.

      Excluir
  11. Obrigado, professora!

    ResponderExcluir
  12. Olá, tenho uma dúvida, minha orientadora disse que meu artigo está bom, mas pediu que fizesse uma revisão bibliográfica, devo acrescentar algo no meu marco teórico???????? o que devo de fazer???
    não entendi o que ela falou.

    ResponderExcluir
  13. OLá!

    Sobre o artigo, você olhou as normas da ABnt para construi-lo?
    A revisão de literatura é diferente do referencial teórico. Na revisão você fará
    um texto apresentando as discussões sobre os conceitos principais do seu trabalho, isto é,
    você fará uma analise das pesquisas e artigos sobre os seus conceitos. Pelo que disse, você precisa fazer a revisão e não mudar o marco teórico. Contudo, acho melhor conversar com a sua orientadora e questionar o que ela realmente deseja que faça. Boa sorte!

    ResponderExcluir
  14. Obrigado.


    Foi muito esclarecedora sua informação.


    ResponderExcluir
  15. Obrigada pelas informações que, como a maioria destacou, muito esclarecedoras.

    ResponderExcluir
  16. Ótimo conteúdo, conseguir esclarecer totalmente as minhas dúvidas, Parabéns pelo trabalho!!!

    ResponderExcluir
  17. Boa tarde! estou fazendo um trabalho o qual a metodologia é uma revisão de literatura porque abrange artigos de 2009 a 2013. mais estou com dificuldade de colocar no trabalho, o que se trata a revisão de literatura, qual recurso utilizado, se baseia em que? para colocar no meu trabalho que precisa. sabe me dizer? preciso de ajuda.

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Pelas informações enviadas, a metodologia a ser utilizada é análise de artigos de 2009 a 2013. Precisa descrever o tipo de analise a ser utilizada, por exemplo, análise do discurso, categorização...
    Daí, você poderá questionar: O que devo colocar na revisão? Na revisão, você trabalhará os conceitos gerais da sua pesquisa, por exemplo, terminologia e etimologia, aspectos históricos, conceitos relacionados.
    Sucesso!

    ResponderExcluir
  19. Ótimo texto de fácil compreensão, me ajudou bastante obrigada mesmo...

    ResponderExcluir
  20. Adorei a explicação... 'Clareou' minhas dúvidas!
    Muito obrigada e continue ajudando a tantos outros, pois conhecimento quando mais se divide, mais se multiplica.

    ResponderExcluir
  21. Muito legal professora. Entendi perfeitamente. Mas já vi trabalhos que não dão conta da revisão de literatura. Só fazem o referencial teórico. Isso é possivel?

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  23. Julio, depende do trabalho e da banca. A princípio não existe conhecimento sem embasamento sobre o assunto. O mais comum é o tipo de trabalho com revisão e sem referencial teórico. Isso já vi várias vezes. O contrário, vi somente uma vez. Na minha opinião, se for trabalho de mestrado ou doutorado sem revisão de literatura não passa pela banca. Em geral, os pares pedem a complementação. Pode acontecer da banca não ser nada rigorosa e deixar passar um trabalho assim.

    ResponderExcluir
  24. Obrigado Professora Kelley pelos seus esclarecimentos.
    Sou aluno de mestrado, e por isso a minha preocupação. Estou eu aqui queimando "minhas pestanas" com essa revisão de literatura da minha dissertação.
    Mais uma vez obrigado por sua pré disposição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Júlio Págio aproveite e leia o texto check list do texto científico. Pode ajuda-lo! Sucesso!

      Excluir
  25. Obrigado Kelly, seu texto foi extremamente esclarecedor e elucidativo concernente ao objeto de pesquisa. Dinâmico e objetivo contemplou minhas necessidades entorno do assunto. Grato. Edson dos Reis

    ResponderExcluir
  26. Muito obrigada, esclareceu minhas dúvidas sobre revisão literária! Grande abraço!

    ResponderExcluir
  27. Dra. Gasque.
    Além de muito bonita externamente, a senhora me definiu com total propriedade os conceitos. Até copiei, inclusive o endereço, para passar para meus (des)orientados, que volta e meia voltam ao mesmo passo. Parabéns e muito obrigado.

    ResponderExcluir